Informações

Economia de Combustíveis - sustentabilidade

A economia de combustível não traz somente benefícios financeiros para as empresas de transporte. Ao reduzir a queima de diesel, reduzem-se também as emissões de dióxido de carbono (CO2) - o principal gás causador do efeito estufa - na atmosfera. Assim, toda ação que promova um menor consumo de combustível também resultará em menos impacto no meio ambiente.

A Vipal vem investindo fortemente em pesquisa e em tecnologias para desenvolver soluções que propiciem a redução do uso de combustível no setor. Em mais uma demonstração de pioneirismo e de preocupação com a atual e as futuras gerações, a empresa idealizou o projeto Sustentabilidade do Transporte, que orienta os clientes sobre a importância da reforma e da escolha da banda de rodagem certa para que essa economia apareça na ponta do lápis.

Lançado em 2007 e largamente difundido entre reformadores e empresas transportadoras, o projeto busca disseminar atitudes simples, como reformar pneus sistematicamente, manter uma equipe de caminhoneiros treinada e fazer a manutenção preventiva dos veículos. Além disso, o Sustentabilidade do Transporte alerta os transportadores sobre a influência da profundidade do sulco da banda nos gastos com combustível.

Depois de uma série de pesquisas e testes, a Vipal comprovou que a profundidade dos sulcos da banda de rodagem está diretamente relacionada ao nível de consumo de combustível na estrada.

Os estudos constataram que bandas com sulcos mais profundos geram mais calor, aumentando a tração e a sobrecarga na carcaça - e esse esforço extra exige mais energia. Já as bandas com sulcos menores geram menos calor e, consequentemente, reduzem a fadiga do pneu, resultando na diminuição do consumo de combustível. Além disso, a vida útil e o índice de recapabilidade do pneu são ampliados.

Esse trabalho inédito da Vipal inverteu a lógica vigente até então: as bandas com sulcos mais profundos eram consideradas melhores e mais econômicas devido ao maior rendimento quilométrico, pois levam mais tempo para se desgastar. No entanto, está comprovado que essa economia não é maior do que a proporcionada pela redução nos gastos com combustível, sem falar nas vantagens ambientais.

Para se ter uma ideia, uma empresa com uma frota de 50 caminhões, que rodam 10.000 km por mês, economizaria em um ano mais de R$ 100.000,00. Ou seja, o equivalente a um caminhão leve ou quase 50.000 litros de diesel. Além disso, essa economia evitaria a emissão de 130 toneladas de CO2 ou equivaleria ao plantio de 686 árvores.

A linha de bandas pré-moldadas ECO é mais uma resposta da Vipal à crescente necessidade de inovar em prol da sustentabilidade. Resultado de uma extensa e profunda pesquisa, essas bandas possibilitam uma considerável redução no consumo de combustível e aumentam o rendimento quilométrico do pneu.

Os excelentes resultados das bandas ECO não têm relação com a profundidade do sulco, mas sim com a tecnologia empregada em sua matéria-prima. Seu composto especial de borracha apresenta propriedades diferenciadas quando comparado ao de uma banda padrão.

Os pneus reformados com produtos da linha ECO possuem menor resistência ao rolamento, o que diminui o esforço de aceleração - o que contribui significativamente para a economia de diesel.

tw-13871513.jpg

Economia sim, mas sem perder em qualidade e eficiência de serviço oferecido. Que empresa não deseja atingir esse objetivo? E isso já é fato consumado para muitas transportadoras e só foi possível graças ao pioneirismo da Borrachas Vipal em lançar no mercado bandas que economizam combustível e que preservam o meio ambiente, a linha ECO.

A estimativa de redução do consumo de combustível com a utilização de pneus reformados com as bandas ECO chega a 10%, fato este que fez uma das mais importantes transportadoras do país, a gaúcha TW Transportes fizesse a conta e aprovasse o produto. A banda ECO é um produto que vai além da economia com a reforma, pois contribui com a preservação ambiental, já que um pneu reformado economiza 57 litros de petróleo e 80% da energia consumida se comparado a produção de um pneu novo. A Vipal chegou à banda ECO graças à avançada tecnologia empregada na reforma de pneus e através de rigorosas pesquisas que trouxeram diferenciados compostos de borracha e desenhos exclusivos, garantindo menor resistência ao rolamento, menos consumo de combustível e maior rendimento quilométrico.

A TW Transportes, que tem como missão "Aproximando Mercados", está há 46 anos nas estradas atuando com agilidade, confiabilidade e segurança para o cliente, sempre preservando o meio ambiente. Atualmente, conta com 50 unidades integrando os grandes centros de produção e consumo dos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo e transporta carga pesada, fracionada e química numa moderna frota de quase 500 veículos, entre caminhões e veículos leves.

Os principais custos da TW são o consumo de diesel e justamente os pneus. A empresa confirmou que a redução de gastos com os pneus aconteceu após adotar a recapagem com as bandas ECO da Vipal. Além disso, gastar menos combustível foi preponderante para optar pelo uso definitivo do produto.
Em testes realizados pela TW, a empresa alcançou uma média de 4% de economia no consumo de combustível em comparação ao produto padrão que estava sendo utilizado anteriormente. "Os resultados foram muito positivos. Estamos empolgados com as possibilidades que as bandas ECO podem nos trazer e por isto estamos fechando esta parceria com a Vipal", afirma Tiago Camejo, gerente de frota da TW Transportes.

Economia sim, mas sem perder em qualidade e eficiência de serviço oferecido. Que empresa não deseja atingir esse objetivo? E isso já é fato consumado para muitas transportadoras e só foi possível graças ao pioneirismo da Borrachas Vipal em lançar no mercado bandas que economizam combustível e que preservam o meio ambiente, a linha ECO.

A estimativa de redução do consumo de combustível com a utilização de pneus reformados com as bandas ECO chega a 10%, fato este que fez uma das mais importantes transportadoras do país, a gaúcha TW Transportes fizesse a conta e aprovasse o produto. A banda ECO é um produto que vai além da economia com a reforma, pois contribui com a preservação ambiental, já que um pneu reformado economiza 57 litros de petróleo e 80% da energia consumida se comparado a produção de um pneu novo.

A Vipal chegou à banda ECO graças à avançada tecnologia empregada na reforma de pneus e através de rigorosas pesquisas que trouxeram diferenciados compostos de borracha e desenhos exclusivos, garantindo menor resistência ao rolamento, menos consumo de combustível e maior rendimento quilométrico.

A TW Transportes, que tem como missão "Aproximando Mercados", está há 46 anos nas estradas atuando com agilidade, confiabilidade e segurança para o cliente, sempre preservando o meio ambiente. Atualmente, conta com 50 unidades integrando os grandes centros de produção e consumo dos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo e transporta carga pesada, fracionada e química numa moderna frota de quase 500 veículos, entre caminhões e veículos leves.

Os principais custos da TW são o consumo de diesel e justamente os pneus. A empresa confirmou que a redução de gastos com os pneus aconteceu após adotar a recapagem com as bandas ECO da Vipal. Além disso, gastar menos combustível foi preponderante para optar pelo uso definitivo do produto.

Em testes realizados pela TW, a empresa alcançou uma média de 4% de economia no consumo de combustível em comparação ao produto padrão que estava sendo utilizado anteriormente. "Os resultados foram muito positivos. Estamos empolgados com as possibilidades que as bandas ECO podem nos trazer e por isto estamos fechando esta parceria com a Vipal", afirma Tiago Camejo, gerente de frota da TW Transportes.

Economia sim, mas sem perder em qualidade e eficiência de serviço oferecido. Que empresa não deseja atingir esse objetivo? E isso já é fato consumado para muitas transportadoras e só foi possível graças ao pioneirismo da Borrachas Vipal em lançar no mercado bandas que economizam combustível e que preservam o meio ambiente, a linha ECO.

A estimativa de redução do consumo de combustível com a utilização de pneus reformados com as bandas ECO chega a 10%, fato este que fez uma das mais importantes transportadoras do país, a gaúcha TW Transportes fizesse a conta e aprovasse o produto. A banda ECO é um produto que vai além da economia com a reforma, pois contribui com a preservação ambiental, já que um pneu reformado economiza 57 litros de petróleo e 80% da energia consumida se comparado a produção de um pneu novo. 

A Vipal chegou à banda ECO graças à avançada tecnologia empregada na reforma de pneus e através de rigorosas pesquisas que trouxeram diferenciados compostos de borracha e desenhos exclusivos, garantindo menor resistência ao rolamento, menos consumo de combustível e maior rendimento quilométrico.

A TW Transportes, que tem como missão "Aproximando Mercados", está há 46 anos nas estradas atuando com agilidade, confiabilidade e segurança para o cliente, sempre preservando o meio ambiente. Atualmente, conta com 50 unidades integrando os grandes centros de produção e consumo dos estados de Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e São Paulo e transporta carga pesada, fracionada e química numa moderna frota de quase 500 veículos, entre caminhões e veículos leves.

Os principais custos da TW são o consumo de diesel e justamente os pneus. A empresa confirmou que a redução de gastos com os pneus aconteceu após adotar a recapagem com as bandas ECO da Vipal. Além disso, gastar menos combustível foi preponderante para optar pelo uso definitivo do produto.

Em testes realizados pela TW, a empresa alcançou uma média de 4% de economia no consumo de combustível em comparação ao produto padrão que estava sendo utilizado anteriormente. "Os resultados foram muito positivos. Estamos empolgados com as possibilidades que as bandas ECO podem nos trazer e por isto estamos fechando esta parceria com a Vipal", afirma Tiago Camejo, gerente de frota da TW Transportes.

dalcoquio-55111617.jpg

A Dalçoquio é uma das mais importantes transportadoras do país. Fundada por Augusto Dalçoquio Neto no ano de 1968 em Itajaí (SC), a empresa conta com filiais e pontos de apoios nas principais cidades do país.

A Dalçoquio oferece solução logística integrada, atendendo ao cliente em todo o processo logístico. Realiza a integração do produto, seja carga líquida ou seca, ao consumidor final com a qualidade que ele exige. Uma frota moderna, conduzida por profissionais preparados, garante a prestação do serviço.

Entre os principais custos da empresa estão o consumo de diesel da frota e o desempenho dos pneus.
Neste quesito, a Dalçoquio conta com a Borrachas Vipal e o Reformador Autorizado RECSUL para obter os melhores resultados e assim manter a sua excelência em serviços logísticos.

Tudo isto sem descuidar da preservação do meio ambiente, já que a Dalçoquio utiliza as exclusivas bandas Eco Vipal. 
Em teste realizado no conjunto completo (tração e eixos livres), uma carreta da Dalçoquio rodou 125 mil Km e apresentou economia de 3,4% no consumo do combustível em comparação ao produto padrão. 

“Acompanhamos os testes dentro dos critérios técnicos preestabelecidos e estamos convencidos dos resultados positivos que este produto nos proporcionou. Vamos implantar a linha Eco no restante da frota” afirma o diretor operacional da transportadora, Emilio Dalçoquio.

transportes-progresso-141910161.jpg

Pertencente ao Grupo Passarela, a Transportes Progresso foi fundada em 2004, em Luziânia (GO), atuando em transporte rodoviário de cargas. Atende todo o território nacional e possui filiais em Goiânia (GO) e Brasília (DF).

Uma empresa que tem Progresso em seu nome só tem a ir mais longe, ainda mais em parceria com os produtos e serviços de alta qualidade e performance da Vipal, aliando o verdadeiro Progresso à economia e à preservação do meio ambiente.

Após uma avaliação da Consultoria de Frotas da Vipal, constatou-se a oportunidade de readequar os desenhos atuais para desenhos com menor profundidade. Com o composto ECO os resultados foram ainda melhores. 

Ao realizar testes com os desenhos ECO de tração 18mm e de eixo Livre 13mm, a transportadora reduziu em 8% o consumo de combustível, além de ter comprovado excelente rendimento quilométrico. “Com a readequação de desenho, redução do sulco e mudança para as bandas ECO, tivemos a redução de 8% no consumo do combustível e ainda aumentamos o rendimento quilométrico se compararmos ao histórico anterior” comemora Altair Pedro Weber, Gerente de Manutenção da Progresso.

trans-vr-11191519.jpg

A Transportadora TransVR é uma empresa jovem, fundada em outubro de 1996. Mas a sua história começou bem antes com os irmãos Valdir, Ernesto e Cláudio Richter, e seu pai Odillo Richter, que apostaram na compra do primeiro caminhão e desbravaram o Brasil em busca de crescimento. 

Em outubro de 1996, Valdir, juntamente com a esposa Beatriz, funda a Transportadora TransVR, na cidade de Lajeado (RS). Atuando inicialmente com tanques de leite, com o aumento da frota houve a diversificação de atividades, passando a operar também com granéis. Hoje a TransVR opera com transporte de leite em tanques alimentícios e de granéis em carretas graneleiras.

A empresa conta com um total de 40 colaboradores e possui uma frota de 80 placas, onde a TransVR conta com a parceria da Consultoria de Frotas da Vipal. É sabido que a reforma de pneus reduz os custos das frotas, além de ajudar a natureza ao evitar o descarte prematuro de pneus. Por isto a empresa apostou nas novas bandas ECO TREAD Vipal e atesta: “obtivemos uma economia de combustível de 3,08% com o desenho VRT2 ECO TREAD da Vipal” comemora Eduardo Richter, diretor comercial da TransVR.

plasbil-14131311.jpg

A Plasbil Revestimentos está situada no Município de Tapejara(RS) e é uma empresa pertencente ao Grupo Bianchini, dedicada à industrialização do PVC para a construção civil. Fundada em 1998, possui hoje uma das maiores e mais modernas plantas industriais da América Latina do setor.

Com um quadro funcional qualificado e comprometido de mais de 280 colaboradores, busca constantemente melhorias nos processos de produção e técnicas de gestão adequadas, para desta forma atender os princípios claros de sua missão. Atua no mercado nacional, com clientes distribuídos nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Espírito Santo e Mato Grosso do Sul.

A Plasbil possui frota própria de 40 caminhões e duas carretas e uma equipe de 46 motoristas. A entrega é realizada diretamente ao cliente em qualquer cidade da área de atuação da empresa com um atendimento qualificado, pontual e personalizado

Para manter o desempenho e a rentabilidade de sua frota, na reforma de pneus a Plasbil utiliza as bandas exclusivas Vipal ECO TREAD – que reduzem o consumo de combustível e proporcionam maior rendimento quilométrico. Com o auxílio da Consultoria de Frotas da Vipal e da Borilli Pneus, a empresa mediu a performance do produto e comprova: “obtivemos uma redução de 2% no consumo de diesel com as bandas ECO TREAD”, afirma Odil Léo Bianchini, presidente da Plasbil.

transp-gomila-61011617.jpg

A Transportadora Giomila, localizada na cidade de Vilhena, em Rondônia, é hoje uma referência no segmento de transporte de cargas na Região Norte do País. Fundada pelos irmãos Orlando Bagattoli e Jaime Bagattoli, a Giomila é uma das empresas que estão obtendo ótimo resultado com as bandas Vipal Ecotread. Veja o que Orlando e Jaime têm a dizer.

"A economia de diesel que temos observado chega a ser de 7,4% nos nossos veículos bi-trem de 7 eixos. Já nos caminhões bi-trem de 9 eixos, a economia foi ainda maior, de 7,8%. Isso gera uma grande economia nos custos com combustível ao final de determinados períodos."

A Recauchutadora de Pneus Rover, reformadora autorizada Vipal que presta serviços à Transportadora Giomila, também conhece os benefícios e recomenda as bandas Vipal Ecotread.

Na opinião de Dirceu Rover, proprietário da empresa, o desempenho e o rendimento obtidos acabam sendo extremamente lucrativos para as transportadoras de carga em roteiros de longos percursos.

"Apenas um teste é suficiente para comprovar as vantagens de utilizar pneus reformados com as bandas Ecotread", afirma.
Clique e faça download do depoimento que comprova que quem usa Ecotread cuida do bolso e do meio ambiente.

transporte-21131718.jpg

Liderada por seus dois acionistas, Darci e Elaine Werner, a Ereno Dörr Transportes Ltda é uma das mais tradicionais empresas gaúchas do segmento de transporte rodoviário. Hoje, ela se destaca pela qualificação de seus funcionários, fruto de investimentos contínuos em capacitação, com o objetivo de cada vez mais atender melhor seus clientes.

A história da empresa começou em Lajeado, em 1960, quando Alfredo Ereno Dörr adquiriu a Empresa Piraí. Com apenas um ônibus, ele fazia o transporte urbano na cidade de Lajeado. Trinta anos depois, a empresa já estava com 42 ônibus e 20 caminhões, continuando sua trajetória de sucesso até os dias de hoje.

Para o diretor da empresa, Darci Jandir Werner, a parceria com a Borrachas Vipal e os serviços oferecidos pela Vulcanizadora Motorista, de Caxias do Sul (RS), integrante da rede de reformadores Vipal, foi fundamental para a evolução dos negócios da empresa nos últimos anos. Ele destaca a alta tecnologia da Vipal ao lançar as bandas de rodagem Ecotread. 

Com a utilização dos pneus reformados com a banda Ecotread pela frota da Ereno Dörr, foi possível obter uma melhora significativa em relação à economia de combustível. “Houve uma redução de consumo em torno de 8%, aliando-se a isso o treinamento realizado com os nossos motoristas”, declaraWerner. “Para nós é gratificante conseguir diminuir custos, sem perder a qualidade dos serviços prestados com melhor rentabilidade”, completa o empresário.

E não é só isso. Werner lembra também a diminuição da poluição emitida pelos veículos e, ainda, que foi observado menor desgaste da banda de rodagem, garantindo maior vida útil ao pneu.“Com todas estas vantagens em desempenho e rentabilidade em nossa frota, nós continuaremos a utilizar, cada vez mais, os produtos e serviços Vipal”, conclui

cordenonsi-14016114.jpg

Economia e maior quilometragem com as bandas VLW da Vipal Fundada em 1982 por Antonio Cordenonsi Filho, que antes fazia pequenos fretes para um frigorífico e representava a distribuição da cerveja Serramalte, a Transportes Cordenonsi cresceu e expandiu seus negócios para além das fronteiras nacionais.

Especializada na gestão de transportes de cargas com temperatura controlada, a empresa atua em todo o Brasil e no Mercosul, contando com filiais na Argentina e no Uruguai.

Obstinada em diminuir distâncias e maximizar resultados, a Cordenonsi conta com a parceria da Vipal e do Reformador Autorizado Naja Pneus para atingir seus objetivos por meio da reforma dos pneus de sua frota, que conta com 95 veículos. Para isso, acompanha de perto os resultados e performances dos caminhões. Uma das últimas ações da transportadora foi o teste com as bandas VLW 13 mm da Vipal. O desafio foi mostrar que bandas de menor profundidade têm resultado superior em quilometragem do que os modelos mais profundos. Fabiano Matiello, responsável pela controladoria e tecnologia da Cordenonsi, comprovou a tese:

“O desenho direcional VLW 13 mm apresentou14,3% mais quilometragem que outros produtos direcionais com 15 mm. Trata-se de um número robusto quando aplicamos este percentual na redução dos custos de uma frota inteira”, afirma.

ajp-417101716.jpg

Fundada em 1971, a AJP começou suas atividades transportando eucaliptos na região de Jundiaí, em São Paulo. Logo a empresa prosperou e inaugurou filiais em Anápolis e Itapaci, em Goiás. Hoje, conta com 90 veículos próprios e agregados rodando em todo o território nacional, com forte atuação em transporte, logística e distribuição para clientes das regiões sudeste e centro-oeste no segmento de cargas secas (alimentos, higiene e limpeza e equipamentos).

Desde os primeiros anos da empresa, o fundador Antonio de Jesus Pinto conta com o apoio da esposa e dos filhos nos negócios. Toda a família administra a empresa com muita competência, auxiliando Antonio a construir uma história de sucesso e de muito trabalho.

A bem-sucedida trajetória da AJP também se explica pela preocupação dos gestores com um dos itens mais importantes para qualquer empresa do setor de transporte: os pneus. A convite da Borrachas Vipal e da reformadora Anchieta Brasiliense, a AJP testou as bandas VT 100 (tração) e VL 100 (eixo livre) e as comparou com produtos similares da concorrência. Quem atesta a superioridade das bandas Vipal é Ricardo Pinto, diretor comercial da empresa: “Obtivemos um ganho de 10% na quilometragem dos veículos em relação aos outros produtos”.

A AJP comprovou na prática que reformar com Vipal traz muito mais economia. Além, é claro, de preservar o meio ambiente ao evitar o descarte prematuro dos pneus. A Borrachas Vipal agradece a AJP Transportes pela confiança e parceria!

Reformar pneus é bom para o bolso e para o meio ambiente

A economia de combustível não traz somente benefícios financeiros para as empresas de transporte. Ao reduzir a queima de diesel, reduzem-se também as emissões de dióxido de carbono (CO2) - o principal gás causador do efeito estufa - na atmosfera. Assim, toda ação que promova um menor consumo de combustível também resultará em menos impacto no meio ambiente.

A Vipal vem investindo fortemente em pesquisa e em tecnologias para desenvolver soluções que propiciem a redução do uso de combustível no setor. Em mais uma demonstração de pioneirismo e de preocupação com a atual e as futuras gerações, a empresa idealizou o projeto Sustentabilidade do Transporte, que orienta os clientes sobre a importância da reforma e da escolha da banda de rodagem certa para que essa economia apareça na ponta do lápis.

Lançado em 2007 e largamente difundido entre reformadores e empresas transportadoras, o projeto busca disseminar atitudes simples, como reformar pneus sistematicamente, manter uma equipe de caminhoneiros treinada e fazer a manutenção preventiva dos veículos. Além disso, o Sustentabilidade do Transporte alerta os transportadores sobre a influência da profundidade do sulco da banda nos gastos com combustível.


voltar